terça-feira, 28 de maio de 2013

Ironman Brasil 2013 - 26/05/2013

Segue os detalhes da minha prova no Ironman Brasil 2013:


Segue aqui o Link  do GPS, para quem quiser conhecer o percurso da prova, tanto na natação quanto na corrida quanto na bike, separei as voltas do GPS assim:

- 1ª volta da Natação 
- 2ª volta da Natação 
- Transição 1
- 180km de pedal
- Transição 2
- A corrida dividi a cada 10km

http://www.trainingpeaks.com/av/RANDPLVYJIAXCVOAC3YXQAUVUI

Vamos a um breve relato sobre a prova:

Na natação após uns 1000m comecei a sentir uma dor na lateral direita da barriga como se fosse aquela dor lateral que nos dá quando estamos correndo a um ritmo muito forte, após sair na areia tomei um gole de água de um copo que peguei da organização e entrei no mar para a segunda volta da natação e a dor permaneceu ali.

Na bike comecei o pedal em meu ritmo de prova, esperava fazer um pedal para 5 horas e 15 minutos era o que tinha programado, porém como transpiro muito esse ano dei uma atenção melhor a hidratação na bike o que me fez ter que parar duas vezes para urinar, o tempo final da bike ficou em 5 horas e 20 minutos, no meu GPS da bike ficou em 5 horas e 16 minutos, porém como ele estava programado para auto parar e eu realmente parei para fazer xixi o GPS também parou. Durante todo o percurso da bike me senti bem, com uma dor leve no estomago.

Assim que saí para correr percebi que estava encrencado, pois comecei a sentir fortes dores abdominais, a idéia era terminar a prova abaixo de 11 horas, tinha então que percorrer os 42 kilometros da maratona em 4 horas e 20 minutos, com uns 8 kilometros de corrida parei em um banheiro quimico para tentar fazer algo para ver se aliviava minhas dores, fiquei sentado no trono por cerca de 10 minutos e nada aconteceu, foi quando resolvi voltar a correr, e as dores permaneceram ali, chegando em canasvieiras, nas subidas, sentia vontade de vomitar, parei várias vezes para tentar fazê-lo mais nada acontecia, foi quando la pelo kilometro 14 a vontade de vomitar foi só aumentando e eu acabei naquela reta de canasvieiras dando alguns vomitos, incrivel como melhorei repentinamente, porém não conseguia comer mais nada, tudo que comia me enjoava saí com 8 géis de caboidrato e acabei usando somente 3, o que me fez perder as forças e ficar na maratona correndo somente tomando água e um pouco de coca-cola, logo no inicio da segunda volta da corrida parei novamente em um banheiro quimico e desta vez a diarréia veio, fiquei mais uns 8 minutos ali no banheiro quimico, o que me permitiu ir até o final da prova.

A meta para o Ironman Brasil 2013 foi batida, reduzi o meu tempo em relação ao ano de 2012 em 19 minutos, porém ficou um pouco de frustração com a corrida, afinal em 2 anos de Ironman ainda não consegui encaixar uma corrida legal, em 2012 sofri com fortes caimbras e em 2013 com esses problemas estomacais que não sei explicar por que ocorreram, não sei se tomei muita água do mar, ou se tomei muito gatorade, o que pode ter dificultado a digestão dos alimentos durante o percurso da bike.

Tempo final ficou em 11:02:29, não consegui fazer uma prova abaixo de 11 horas por 2 minutos e 29 segundos, baixei meu tempo na natação em 8 minutos, baixei meu tempo nas transições, baixei meu tempo na bike em 12 minutos, aumentei meu tempo na corrida em 5 minutos.

Conclusão:

Desencanei com esse negócio de fazer tempo em prova de Ironman, sinceramente ja levava uma vida onde não tenho professor de natação nado sozinho, não vou a nutricionista, não uso suplementos, não tenho grandes equipamentos, nem levar a bike para revisão eu levei, eu mesmo a revisei em casa, quero fazer a prova por prazer, ano que vem se tudo der certo estarei la de novo, mais sem me preocupar com tempo, qual a diferença em terminar um Ironman para 10 horas e 37 minutos ou terminar para 11 horas e 2 minutos??? Não sei se me intenderam mais é o seguinte, se eu tivesse realmente corrido bem a maratona 10 horas e 37 minutos seria o máximo que conseguiria fazer nessa prova, se eu treinasse mais 1 ano seguido não sei se teria capacidade para abaixar mais esse tempo. Tudo na vida da gente é questão de status, fiz isso, fiz aquilo, mais poucos fazem por prazer, odeio cobranças e o dia que tiver que fazer uma prova com cobrança de tempo terei perdido o prazer em o continuar fazendo! Ano que vem estarei la de novo, treinando com os colegas da equipe aos finais de semana que é o que realmente curto fazer. E a programação de tempo para o Ironman Brasil 2014 é a seguinte, o tempo que vier ta valendo!!


3 comentários:

Milton disse...

Cara... lá na hora da maratona quando te vi caminhando não sabia que tinha sido assim tão sério. Nem esquente a cabeça, terão muitos e muitos Irons e o negócio mesmo é se divertir sem pressão exagerada.
Abraço!

Fernando H. Bazalha Oliveira disse...

Sensacional Marlus. O espirito é esse "fazer por prazer", curtir a prova. Parabéns pela grande prova mesmo com as adversidades.

Eduardo Carrilho disse...

Marlus, parabens. Quem escolhe esta vida de superação tem que encarar o pior de todos "demonios", nossas cobranças pessoais, o caminho é longo, arduo e cansativo, mas o prazer de falar fiz o ironman deve ser indiscritivel, o que me diz então 2 iron. Continue assim, grande vitorioso. Afinal de contas, nessa vida podemos dizer que é por prazer e nâo por obrigação, valeu... grande abraço...